Gente que Cuenta

Ciranda: o círculo do encanto – Fabiana Louro

Captura de Tela 2022 03 03 às 18.45.49
Sandro Maciel
Ciranda
2019

leer en español

Ciranda é uma brincadeira, dança, cantoria popular dos Estados de Pernambuco e Paraíba. É um tesouro do povo, construção de identidade e de alegria. Estar em uma roda de ciranda, com os instrumentos batucando forte e cantando as sílabas simples, mas cheias de significado e profundidade, é um bálsamo para o imaginário e o coração. Pegar nas mãos de desconhecidos e dançar no ritmo da ciranda, é uma das experiências mais bonitas que pude passar em Recife, cidade do Estado de Pernambuco. É criança, mulher, homem, idosos, todas as raças brincando e cantando.

Um dos nomes mais importantes da ciranda em Pernambuco é Lia de Itamaracá. Uma cantora e compositora cirandeira da Ilha de Itamaracá. Mulher negra, forte, doce e criativa, com suas letras fala sobre o amor, o mar e a vida. Lia é tão importante que foi considerada Patrimônio Cultural de Pernambuco e obteve o título de Doutor Honoris Causa pela Universidade Federal de Pernambuco. Existem outros nomes importantes, dentre eles Mestre Baracho, falecido no final dos anos 80, que merece toda a reverência de uma vida dedicada a essa arte.

Se você nunca cirandou, eu recomendo. É remédio para curar dor de amor, frustração, tristeza e até dor no corpo.

Viva a ciranda, viva a alegria em movimento, o círculo do encanto!

Minha ciranda não é minha só

Ela é de todos nós

A melodia principal quem

Guia é a primeira voz

Pra se dançar ciranda

Juntamos mão com mão

Formando uma roda

Cantando uma canção

(“Minha Ciranda” de Lia de Itamaracá)

received 4604439869570168
Fabiana Louro é atriz, educadora, dançarina e cantora. Atualmente cursa mestrado em educação na UFPE, é diretora e atriz do Grupo Fuga de teatro e realiza narração de audiodescrição de livros e materiais didáticos
fabislouro@gmail.com

da mesma autora

4